Mario Andrei ציבורי
[search 0]
עוד

Download the App!

show episodes
Loading …
show series
 
Wálter Maierovitch fala dos constantes confrontos entre o presidente Bolsonaro e a Justiça. Além disso, ele também destaca o recente embate entre Bolsonaro e Alexandre de Moraes, presidente do TSE, com relação a algumas decisões durante as eleições. O comentarista ainda dá ênfase para o aumento da violência política e a possibilidade de uma grande …
 
Mario Sergio Cortella fala sobre as diferenças entre expectativa, ansiedade e tensão. O comentarista diz que esses sentimentos podem estar presentes em um período de pré-eleição: 'essas três sensações se mesclam, nesse momento, a depender das circunstâncias que se está'.
 
Wálter Maierovitch traz o alerta através do livro 'Instrucciones para convertirse en fascista', que faz recomendações para compreender 'as manobras de um fascismo'. Para o comentarista, há uma relação clara entre as ideias fascistas e o presidente Jair Bolsonaro, como o domínio do STF e da Câmara.
 
Mario Sergio Cortella fala sobre o Dia da Árvore e a perceptível mudança climática: 'um bom momento para pensar de fato o que significa o nosso lugar, a nossa casa comum'. O comentarista também reflete sobre momento pandêmico: 'redução da presença humana mostrou o quanto a natureza retoma o fôlego'.
 
No Dia Internacional da Democracia, Wálter Maierovitch reflete sobre a data a partir do ataque sofrido pela jornalista Vera Magalhães. Ele aponta o significado do termo democracia: demos é povo; cratos, poder. 'Esse tipo de intimidação é antidemocrática, porque representa uma censura. Tenta-se pela ameaça, pela violência calar uma jornalista e, por…
 
Mario Sergio Cortella fala do caso de um homem que aplicou um golpe pintando feijão e destaca que a 'mente humana é capaz de coisas incríveis, mas também por coisas horríveis'. Para ele, esse tipo de ato 'não só induz ao equívoco, como traz a marca do malefício'.
 
Walter Maierovitch faz uma análise da postura de Bolsonaro nas celebrações do Bicentenário da Independência. O presidente misturou o interesse público com o privado. 'Bolsonaro só podia ter se apresentado com um traje, como chefe de Estado'.
 
Mario Sergio Cortella analisa os 200 anos do 7 de setembro e da Independência do Brasil. Ele indaga 'será que é um momento de exclusão ou de inclusão?' e ainda destaca que a data é importante para a reflexão, especialmente pelas transformações ao longo dos anos.
 
Wálter Maierovitch reflete sobre fake news na política e cita a obra 'Il Gattopardo', de Tomasi di Lampedusa. Ele também fala sobre as 'cartas falsas de Artur Bernardes', nome pelas quais ficaram conhecidas duas cartas publicadas em 1991 pelo jornal Correio da Manhã que, supostamente, haviam sido escritas por Artur Bernardes.…
 
Mario Sergio Cortella reflete sobre os 10 anos da Lei de Cotas: 'não é algo que deva perdurar sempre, mas não pode deixar de aparecer dentro de uma sociedade como a nossa, que tem injustiças históricas'.
 
Wálter Maierovitch destaca que Moraes conseguiu achar um Fio de Ariadne, fio a ser seguido na apuração por meio de um inquérito judicial legitimado por decisão da maioria dos seus pares em sessão plenária do STF. O Fio de Ariadne mostra o caminho que conduz a oito empresários que trocaram mensagens privadas sobre um golpe de Estado.…
 
Mario Sergio Cortella fala sobre a vinda do coração de Dom Pedro I de Portugal para o Brasil para marcar a celebração dos 200 anos da Independência do Brasil. O coração foi recebido com honras de Estado. 'É algo exótico no campo das relações políticas'.
 
Wálter Maierovitch fala sobre propaganda eleitoral e a garantia constitucional da liberdade de expressão. 'Liberdade de expressão não é ilimitada'. Comentarista também destaca a questão da intolerância religiosa nos discursos.
 
Mario Sergio Cortella fala sobre o uso de Deus e o diabo na campanha política. Ele explica que a palavra satanás na origem significa adversário. Então, é muito usual dentro da política, desde a antiguidade, a tipificação do uso dessa expressão como sendo a possibilidade da encarnação do mal. A religião é um componente na vida das pessoas. ‘Uso da t…
 
No Justiça e Cidadania, Wálter Maierovitch repercute a leitura da Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito nesta quinta-feira, 11 de agosto de 2022. 'O manifesto se junta a históricos movimentos de conquistas republicanas', afirma. 'Desta vez, não será pela volta da democracia, mas pela defesa da Constituiçã…
 
Às vésperas do 11 de agosto, quando a faculdade de Direito da USP lerá um manifesto a favor da democracia, Mário Sergio Cortella reflete sobre o sistema político. Ele lembra uma frase atribuída ao general Eurico Gaspar Dutra: "democracia é uma plantinha frágil que tem que ser regada todos os dias". O comentarista destaca a diferença entre patriotis…
 
Wálter Maierovitch fala sobre a decisão do TJ-RS que anulou o júri que condenou réus pelo incêndio na Boate Kiss. 'Mais um espanto provocado por um júri popular’. Ele destaca que o ‘sistema do júri no Brasil nunca funcionou bem. É um sistema peculiar, quase que uma jabuticaba, onde os sete jurados julgam sem dar o motivo pelo qual estão condenando …
 
Mário Sérgio Cortella critica o projeto aprovado na Comissão de Segurança Pública da Câmara, que propõe a anistia dos policiais envolvidos no massacre do Carandiru, em 1992. O comentarista reflete sobre o direito à memória e como a história deve servir de aprendizado para a sociedade.
 
Wálter Fanganiello Maierovitch fala sobre dois políticos polêmicos que, após prisões e cassações, voltam à cena em 2022: Eduardo Cunha, no Brasil, e Silvio Berlusconi, na Itália. O ex-presidente da Câmara dos Deputados vai concorrer a uma vaga na Casa que o cassou por quebra de decoro parlamentar. Ele foi beneficiado por uma decisão da Justiça, que…
 
Mario Sergio Cortella reflete sobre a escalada de violência contra a mulher nos últimos dias, em diversos estados brasileiros. Em duas semanas, apenas no Rio, houve registro de pelo menos cinco feminicídios; São Paulo e Blumenau também têm casos notáveis recentes. Para Cortella, essas ocorrências 'são e têm que ser notícia', pois desnormalizar essa…
 
'Nem tudo depende de Aras', alerta Wálter Maierovitch. A Lei de Inelegibilidade protege os eleitores contra atos de abuso de poder político e pode ser invocada por qualquer partido, coligação, candidato ou Ministério Público. A investigação é conduzida pela Justiça Eleitoral e pode suspender o político denunciado por até oito anos. 'Bolsonaro deu u…
 
O filósofo Mario Sergio Cortella fala sobre o Dia do Amigo, celebrado neste 20 de julho. A data foi criada pelo professor de psicologia e filósofo argentino, Enrique Ernesto Febbraro, que se inspirou na chegada do homem à Lua, em 20 de julho de 1969.
 
Mario Sergio Cortella faz uma reflexão sobre as imagens divulgadas pelo maior telescópio espacial já lançado pela ciência, o James Webb. 'As imagens mostram o quanto a vida humana é um pedaço da vida existente’
 
Mario Sergio Cortella fala sobre a chegada no 5G no Brasil, o descompasso tecnológico e a desigualdade de acesso no Brasil. 'É vergonhoso que a gente caminhe deixando para trás pessoas que precisam de especialização e informação'.
 
Mario Sergio Cortella fala sobre o Dia de São Pedro e o estereótipo do homem caipira. O comentarista destaca que hoje essas representações têm mudado: 'é mais do que especial que a gente seja capaz de preservar nossas alegrias sem produzir nenhum tipo de desmerecimento ou ofensa a qualquer pessoa'.
 
Mario Sergio Cortella fala sobre a fome que atinge milhões de pessoas no Brasil. Ele menciona o vídeo de uma idosa que chorou ao falar sobre a fome e emocionou a repórter da Globo e os telespectadores. 'Infelizmente a expressão morrer de fome não é apenas uma hipérbole', diz o comentarista.
 
Wálter Maierovitch fala sobre a PEC que propõe dar ao Congresso poder de revogar por decreto julgamentos feitos pelo Supremo Tribunal Federal decisões que não sejam unânimes ou extrapolem 'limites constitucionais'. Comentarista destaca que 'para Bolsonaro, isso seria a PEC dos sonhos'.
 
Mario Sergio Cortella repercute o afastamento de um engenheiro do Google, que divulgou que a inteligência artificial da empresa tinha tomado consciência. 'No campo da filosofia, a gente fica com pé atrás, porque essa autonomia é a possibilidade de tendo consciência haver também uma independência indesejada', aponta Cortella.…
 
Wálter Maierovitch destaca que 'a canhestra e teratológica' liminar do ministro Nunes Marques, que suspendeu a decisão do TSE e restabeleceu o mandato de Fernando Francischini, gerou desconfiança. 'É certo que a Constituição garante aos magistrados a livre convicção motivada. Mas livre convicção não significa contorcionismos jurídicos, sabujos, de …
 
Mario Sergio Cortella fala sobre a economia popular e a 'reduflação', que é o processo em que as embalagens de produtos diminuem em tamanho ou quantidade, enquanto o preço se mantém o mesmo ou aumenta: 'uma prática dissimulatória'.
 
Loading …

מדריך עזר מהיר

זכויות יוצרים 2022 | מפת אתר | מדיניות פרטיות | תנאי השירות
Google login Twitter login Classic login